Publicidade 261x35

Publicidade
22:43

Opinião Formada

03-12-2016 - 07:51:00

Edersen Lima

Protesto do MPE foi um fiasco
O Ministério Público de Roraima está em dívida com a sociedade. Os gritantes e suspeitos contratos emergenciais do governo de dona Suely Campos, que envolvem dezenas de milhões de reais, continuam secando os cofres públicos; a parentada desinibida e muito bem empregada com salários que somam mais de R$ 400 mil mensais do bolso do contribuinte, continua lá, mostrando toda a capacidade (?) e competência (?) desse governo; e o desvio feito pelo governo, dos salários dos servidores que fizeram empréstimos consignados, sem nenhuma resposta decente à sociedade.

A manifestação de ontem na Praça do Centro Cívico, convocada pelo MPE, mal apresentou meia dúzia de gatos pingados. Os nobres promotores e procuradores que coloquem as mãos na consciência e reflitam o porquê do fiasco.


Ação judicial contra o 'Machadão'
E ainda falando no Ministério Pùblico Estadual, o órgão pode entrar com ação judicial questionando o contrato super-milionário feito pelo conselheiro Henrique Machado, em que o o Tribunal de Contas gastará algo em torno de R$ 300 milhões na construção da sua nova sede - que já está sendo chamada de "Machadão", nos corredores e gabinetes do Tribunal -. Isso porque, Henrique Machado já deu pinta de que não irá acatar sugestão de nenhum promotor 'sem argumentos' do MPE para desfazer o negócio. Assim sendo...

 

Mais um mandato
Para concluir seu projeto
 - para uns, sua 'obra pessoal' - super-milhonário, repete-se, em torno de R$ 300 milhões no bolso do contribuinte, Henrique Machado conta com com votos para sua reeleição no comando do TCE. Ele é candidato a mais um mandato de presidente, que tem eleição marcada para semana que vem.


Não vê, não ouve e muito menos, fala

Causa espécie o fato do Ministério Público de Contas, do 'cricri' procurador Paulo Sérgio Souza, sempre tão atento e rígido com os atos internos do TCE, mas que se mostra igual aos três macaquinhos acima que com mãos, tapam olhos, bocas e ouvidos, sobre esse contrato de construção da nova sede do TCE, em que a empresa vencedora do certame para obra, não se encontrou informações (endereço, registros de funcionários, bens) minimamente condizentes para tanto.


Inveja ao milagreiro
A lá Mecias de Jesus, mas de fazer inveja ao milagreiro dos patrimônios, a nova sede do TCE custará, em valores atuais, quase cinco vezes o que custaria, também em valores atuais, a 'reforma' da Assembléia Legislativa, feita concluída há seis anos por quase R$ 30 milhões.


Responde essa, dona Sula
Não tem jeito. O governo de Roraima não controla as ações de fugas - ou de tentativas de fugas - da Penitenciária de Monte Cristo.Um túnel com mais de 30 metros já 'construídos' foi descoberto ontem. Pela qualidade da 'obra', com uso de pás, enxadas e outras peças de construção, fica a pergunta: como é que se permite a entrada e uso dessas peças dentro de um presídio?


Tragédia
Tragédia ontem pouco antes de um casamento em São Paulo. O helicóptero que levava a noiva para a igreja, caiu matando os quatro ocupantes. 


Fez a casa cair
Em Boa Vista, um casamento em que os noivos chegaram de helicóptero à festa, não caiu, mas foi decisivo para 'cair a casa' deles, presos acusados de desvio de dinheiro público.


No mapa global
E boa Vista entrou no mapa global das administrações públicas que têm como prioridade o bem estar das famílias menos favorecidas. O programa foi destaque essa semana na Academia de Ciências de Nova York junto com outros programas internacionais.

Segunda a prefeita Teresa Luciana Surita, idealizadora do FGA, 'é até difícil medir o que isso representa, mas podem ter certeza que é muito! Tivemos a oportunidade de nos juntar aos gestores dos Estados Unidos, Inglaterra, Colômbia, Filipinas, Romênia e Alemanha para tentar criar caminhos para o desenvolvimento da primeira infância. Eles conheceram um pouco do nosso trabalho em Boa Vista e eu conheci o deles. Essa troca de experiências é muito importante e fortalece o compromisso de cada um de nós de cuidar do desenvolvimento de nossas crianças”.


A sorte de dona Sula
Uma verdade precisa ser repetida aqui: dona Suely Campos e sua parentada só continuam onde estão porque o vice Paulo César Quartiero, é de uma total e completa incompetência política. Traduzindo, é completamente inconfiável quanto à sua postura populista. Pode assumir o cargo e se voltar contra quem o apoiou com propostas demagogas recheadas de populismo barato.


Não tem referência, tem pecha
Por outro lado, o governo de dona Sula continua perdido, sem um referência de que nesses dois anos fez alguma coisa. Corre sério e grave risco de entrar para história com a pecha de 'governo nepotista', com nada de referência à saúde, à segurança, à educação, à infraestrutura.


Para a história
Os netos da governadora, quando estiverem adultos, vão saber que o governo do avô foi o governo mais corrupto que houve, tanto que foi preso e condenado a regime fechado a mais de 60 anos de cadeia. Já o da avó, como o que nada fez que ganhasse destaque além de empregar seus tios e seus outros avós.


Os dentes de Mucurão
A Coluna faz uma correção. Não é a nova cabeleira e sim, os novos grandes dentes porcelanados que dão a alcunha de Mucurão, a um apaixonado deputado, muito elogiado pelo colega Mecias milagreiro' de Jesus.


Galo brabo bombou
E o senador preso em rinha de galo, Telmário Mota, bombou nas redes sociais com a divulgação da indireta do colega que ele engoliu seco e ficou pianinho, de que devia-se proibir foro privilegiado para quem espancasse mulher, e Telmário, famoso por ser um ser violento, foi acusado - com laudos que atestam a veracidade do que foi documentado - pela própria ex ou ainda namorada Maria Aparecida, que depois inventou uma série de estórias mal contadas e outros boletins de ocorrências para livrar 'galo brabo'.


Pianinhos
Assessores de Telmário saíram em sua defesa, mas logo se calaram, ficando 'pianinhos' quando os Boletim de Ocorrência e laudo do Instituto Médico Legal atestaram a denúncia e a agressão que Maria Aparecida, afirmou ter sofrido.


Contra-partida?
Pelo sim pelo não, dizem que um dos apelos que supostamente teriam motivado Maria Aparecida - que de boba não tem nada - para reatar com Telmário e providenciar novos BOs o inocentando, foi que ele pagasse antecipadamente todo o seu curso de Odontologia em uma faculdade particular de Boa Vista, além de uma nova casa para ela morar com a família. 


Mudou de casa e estuda Odontologia
A verdade é que Maria Aparecida mudou de casa depois de reatar o namoro no início do ano, e quanto ao pagamento antecipado e total do seu curso, caberia ela afirmar ou negar, mas correndo risco de ser mais uma vez desmentida, caso não fale a verdade.


Verdades
Algumas verdades sobre a lei do aborto no país: Punição para a mulher que abortar vai pegar só para quem é pobre; Difícil ver mulher querer abortar filho de pai rico; e há de se respeitar a vontade de quem quer fazer o aborto. Mata-se, sim uma vida; Então, se mata um ser humano, é crime.


Palmas ao povo colombiano
Digno de elogios as atitudes e homenagens do povo colombiano para com o o time da Chapecoense e com o povo brasileiro. Verdadeira aula de humanidade.

 

 

Candidato ao Senado
Na moita e grunhindo baixinho, o comandante em chefe da comunidade dos catitus, Édio Lopes, vem, de longe, sendo o único deputado federal a mostrar trabalho feito, realizado, dessa atual legislatura, a ponto de, repete-se, grunhindo baixinho, a ventilar possível candidatura a um voo mais alto: o sonhado Senado Federal.


Turma relaxa e Catitu faz
Enquanto os demais colegas utilizam quase 98% dos benefícios (gastos com gabinetes, passagens, verbas indenizatórias que somam mais de R$ 80 mil por mês, cada um, no bolso do contribuinte) Catituzão gasta 100%, mas já entregou centenas de casas, dezenas de quadras esportivas e campos de futebol, unidades de saúde, incentivo à psicultura, construções de calçadas e meios-fios, e investimentos à pecuária.


Que nem bicho
Com a esposa, Nega do Catitu, eleita prefeita de Mucajaí, aí é que Édio Lopes vai meter o pé na jáca (no sentido positivo) e mandar ver na campanha eleitoral de 2018. E quem conhece Édio, sabe que em se tratando de campanha política, ele vira bicho.


Combustível
Mesmo com Angela Portela, que tem rejeição baixa e trabalho timidamente divulgado, e Romero Jucá, com certa rejeição porém trabalho mais que reconhecido, a dupla parece não meter medo na concorrência que se assanha, que apostam na suposta fragilidade de Angela, e no desgaste para Romero, que tentará o quarto mandato, como se o eleitor já tivesse cansado ou já demasiadamente agradecido e saciado em ter-lhe dado 24 anos no Senado, em três mandatos.





Vídeos do Fonte

  • Sting e Wonder

  • New Age

  • Um ano

  • Marcelo Jeneci

  • Morte de jornalista

  • Quebra vidraças

  • Beatles

  • Morte do Cisne

  • Ana Botafogo 1

  • Ana Botafogo 2

  • Briga de irmãos

  • Light Years - Pearl Jam

© 1996-2013 www.fontebrasil.com.br - Todos os Direitos Reservados - A informação que forma a opinião